Quarta-feira, 16 de Dezembro de 2009

Regionalização e a direita portuguesa

 

Defendo a Regionalização para Portugal, prevista pela constituição desde 1976 e nunca implementada, como forma de extinguir o eterno centralismo do Estado, responsável principal pelas assimetrias do país, sejam elas entre o Norte e a capital, o Sul e a capital ou entre o litoral e o interior (ainda mais graves).

 

Defendo a criação de 5 regiões político-administrativas: Norte, Centro, Lisboa e Vale do Tejo, Alentejo e Algarve, tendo em conta as características inerentes a cada região e visando um desenvolvimento coeso e efectivo do território português. 

 

Aproveitando para citar uma opinião que li, parece-me que a direita portuguesa, em geral e a Democracia Cristã em particular, "deveria encabeçar a defesa, sem equívocos e sem reservas, da regionalização. Esta é uma inevitabilidade, e uma questão de coerência para uma doutrina que defende um Estado o menos interventivo possível, e portanto descentralizado.

 

Também seria agradável ficar na História que não foi a esquerda a paladina da regionalização em Portugal."

 

 

publicado por Luís Pedro Mateus às 23:17
link do post | comentar | ver comentários (6) | favorito
contacto | twitter

autores

pesquisar

 

blogues dos nossos

mais comentados

últ. comentários

OláCandidate-se a empréstimo rápido e confiável de...
Olá Pessoal, Eu concedo empréstimo de todos os tip...
Atenção: se você sabe que está pronto para se torn...
Meu nome é Patricia Martins, de Portugal, uma mãe ...
Você está ansioso para comprar para salvar a vida ...
Eu preciso de um crédito urugente entre particular...
Olá,Aviso aos meus clientes gentis, o endereço de ...
Grave e honesto em 72hVocê precisa de um empréstim...
Dia bomSe você é homem de negócios ou mulher? Se v...
Solicite um empréstimo rápido e conveniente para p...

arquivos

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

tags

todas as tags

blogs SAPO

subscrever feeds