Sexta-feira, 12 de Fevereiro de 2010

Nada de novo

Quem lê o Sol de hoje pode achar-se vítima de ataque de diversos sentimentos: indignação, vergonha, frustração, irritação... Mas, tal como ontem afirmou Lobo Xavier na Quadratura do Círculo, surpresa não é coisa que afecte quem lê aquelas sete páginas e tenha a mínima noção da realidade do país em que vive. Compadrios, influências, manobras, manipulação, enfim, a mão gorda de quem manda e acha que tudo pode - a mão imunda de um estado que nunca mais acaba e que em tudo marca presença – constantemente em acção manchando a decência e a dignidade da nossa democracia e, acima de tudo, compromentendo a nossa liberdade.

publicado por Tiago Loureiro às 16:26
link do post | comentar | favorito
16 comentários:
De GM a 12 de Fevereiro de 2010 às 20:42
Caros**
É um debate demasiado pobre para decorrer. Afinal de contas deixem-me fazer umas perguntas simples:
1 - Quem é que acha que a Moura Guedes é jornalista?
2 - Quem é que acredita que algum governo Português, quer alguma porcaria de jornal, revista ou emissora de televisão?
3 - Quem é que explica a repentina descida dos juros sobre a divida Portuguesa?
4 - Quem é que explica uma procura 4 (quatro) vezes superior á oferta da divida publica Portuguesa?
Terá sido o primeiro ministro que comprou os mercados internacionais e os obrigou a baixar os juros sobre a divida?
Haverá uma conspiração do governo que obriga os mercados internacionais a procurar 4 (quatro) vezes mais de titulos de divida do que havia para venda?
Que valor tem uma oposição que grita o descalabro, em vez de guardar a imagem do País, fazendo e conduzindo comissões de investigação sem alardes e com carácter sério?
A sério mesmo... Quem é que acredita que um primeiro ministro, ainda que Português, tem alguma coisa para fazer acerca de uma jornalista de nunca o foi e que como mulher é uma tristeza? Coitados dos Portugueses que ainda acreditam nestas histórias de encantar, em que estas pessoas que nada valem, ainda tem a lata de pedir demissões e de se sentirem importantes o suficiente para poderem desbocar e serem ouvidas.
Caros, mais uma vez vos questiono, que circo é este em que uns piolhosos sem qualquer valor, tem a lata de montar uma pseudo conspiração e nós ainda perdemos tempo a ouvi-los?
Ao Sr. Mário Crespo recomendo-lhe que não tente competir com a manelita...ela tem uma boca maior.
Faça o que sempre fez, leia textos e guarde as perseguicões para a manelita que você devia era ter juizo, porque já tem idade para isso.
Tenha, caro Mário Crespo, vergonha e não faça de manelita botox. Lembra-se dos mortos em milhares na Roménia aquando da queda do Ceasescu? Lembra-se de ficar grávido? nos ouvidos, digo eu...Lembra-se?
Quanto aos demais Portugueses, pensem...será que o Sócrates obriga também os mercados internacionais????
As alucinações levam-me a acreditar que o Sócrates vai obrigar o Obama a comprar a Galiza e a oferecê-la a Portugal...era bom, era...vai sonhando Mário....
Um beijo e um abraço para todos deste vosso que ainda não alucina.

-** noção de apreço e não de custo.




De Joaquim Amado Lopes a 13 de Fevereiro de 2010 às 01:51
(assumindo que os juros da dívida pública portuguesa baixaram e que a procura pelos títulos foi muito superior à oerta...)

"Terá sido o primeiro ministro que comprou os mercados internacionais e os obrigou a baixar os juros sobre a divida?"
Como leigo que sou, julgava que é quem coloca à venda os títulos de dívida que decide que juros vai pagar a quem os comprar.
O GM está a dizer que não é assim? Que não é o Governo português quem decide que juros vai pagar a quem comprar os títulos de dívida público que esse mesmo Governo coloca no mercado?

"Haverá uma conspiração do governo que obriga os mercados internacionais a procurar 4 (quatro) vezes mais de titulos de divida do que havia para venda?"
E o bailout da Grécia não tem nada a ver com o caso?


De paulo jorge a 13 de Fevereiro de 2010 às 13:45
A nossa divida publica baixava e muito se não tivessemos que pagar casas novas aos imigrantes que vêem para este PAÍS, e em que temos de lhes dar subsidios casas ETC....
Uma coisa sei eu se eu quiser comprar uma casa nova tenho que pedir um empréstimo e vêr se é aprovado e quanto a subsidios dizem-me logo que não porque os rendimentos dos meus pais são superiores a 620€, é justo não é, para mim era simples uma vassoura e uma pá resolvia o assunto, é o mesmo que estão a fazer lá fora no estrangeiro (INGLATERRA, ESPANHA, ITÁLIA, ALEMANHA E OUTROS), porque 1º estão os cidadãos deles e só depois se houver vagas de trabalho é que pedem imigrantes.


Comentar post

contacto | twitter

autores

pesquisar

 

blogues dos nossos

mais comentados

16 comentários
14 comentários
11 comentários
8 comentários

últ. comentários

OláVocê está procurando um empréstimo com urgência...
OláVocê está procurando um empréstimo com urgência...
OláVocê está procurando um empréstimo com urgência...
Olá,Apresento-me Sr. Pierre Denis BEGUIN, de nacio...
Oferta de empréstimo acessível. Você precisa de um...
Candidate-se a um empréstimo pessoal rápido e conv...
EMPRESA DE GRUPO DE EMPRÉSTIMOSVocê precisa de um ...
Olá a todos!Eu sou Maria, atualmente moro no Porto...
Caro Empregado de EmpréstimoVocê em alguma dificul...
Do You Need A Loan To Consolidate Your Debt At 1.0...

arquivos

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

tags

todas as tags

blogs SAPO

subscrever feeds